Técnico da seleção de basquete se demite após preparador ser dispensado por ser pró-vida

  • 28/06/2024
Técnico da seleção de basquete se demite após preparador ser dispensado por ser pró-vida
Técnico da seleção de basquete se demite após preparador ser dispensado por ser pró-vida (Foto: Reprodução)

O técnico da Seleção Feminina de Basquete, José Neto, se demitiu na quinta-feira (27), após o preparador físico Diego Falcão ter sido ser dispensado por seu posicionamento contra o aborto.

José anunciou sua saída nas redes sociais, mencionando os princípios de sua fé e a demissão de seu colega Diego como razões para a decisão.

“Diante dos últimos acontecimentos envolvendo o preparador físico da Seleção Brasileira feminina de basquetebol Diego Falcão, profissional com quem trabalho há 17 anos e sempre escolhi para estar comigo nos últimos clubes e seleções em que fui o treinador; também seguindo os princípios e valores da minha fé, da qual devo tudo o que sou e tenho, quero comunicar que hoje deixo meu cargo de treinador da Seleção Brasileira Feminina de Basquete", escreveu José.

O técnico ainda agradeceu ao presidente da Confederação Brasileira de Basquete (CBB), à comissão técnica e aos atletas, que fizeram parte da realização de seu sonho.

“Confiaram em meu trabalho durante os últimos 6 anos em que estive como treinador da Seleção Brasileira Feminina de Basquete”, disse ele.

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por José Neto (@netobasket)

Nos comentários da publicação, José recebeu apoio de muitas pessoas, incluindo líderes cristãos. “Parabéns pela decisão e pela hombridade”, escreveu o pastor Renato Vargens.

O pastor Pedro Pamplona também elogiou o posicionamento do técnico: “Parabéns pela coragem, que Deus esteja contigo!”.

Demissão por intolerância religiosa

Na última semana, a Confederação Brasileira de Basquete (CBB) demitiu o preparador físico da seleção feminina após ele publicar posts contra o aborto nas redes sociais.

Segundo a Folha de S.Paulo, Diego Falcão fazia parte da comissão técnica e se declarou a favor do “PL Antiaborto” nos últimos dias.

Em postagem, Diego, que é cristão católico, afirmou que "qualquer país que aceite o aborto não está ensinando o seu povo a amar, mas a usar qualquer violência para conseguir o que deseja".

A decisão da CBB aconteceu após um pedido das jogadoras, que ficaram incomodadas com o pocisionamento pró-vida do preparador.

As atletas, incluindo Clarrisa dos Santos e Damiris, criticaram Falcão nas redes sociais após suas postagens.

"Inaceitável que um profissional, que trabalha com o feminino, demonstre esse tipo de posicionamento nas redes sociais. O estupro é um crime grave”, escreveu Damiris.

Preparador soube da demissão pela imprensa

Na quarta-feira (26), Diego se pronunciou sobre o caso em vídeo no Instagram. Ele agradeceu o apoio que recebeu através de mensagens e contou que soube de sua demissão pela imprensa.

“Soube pela internet, como todos vocês. Eu já posto há muito tempo sobre o aborto e pró-vida, sempre defendi essa causa. Mesmo trabalhando na Confederação, esse tempo todo nunca deu nenhum problema, e porque agora teria algum problema?”, questionou ele.

Logo depois, a notícia foi confirmada pela diretora do Basquete Feminino da CBB, Roseli da Silva, que afirmou que a causa de sua demissão seria o “clima ruim” que Diego criou com as jogadores após suas publicações pró-vida.

“A intolerância religiosa está vencendo o profissionalismo. Eu acho que nem no esporte e nem no Brasil pode ser assim”, comentou Diego.

“Hoje sou eu, amanhã pode ser você”

Ele acrescentou que tanto ele como o técnico José sempre mantiveram uma conduta profissional, não levando suas opiniões para o ambiente de trabalho.

“Nunca houve no nosso trabalho nenhuma divergência política, social ou religiosa. Quando falamos de Seleção Brasileira, a gente coloca o uniforme, pensando em uma coisa só: resultado esportivo”, destacou.

“Sou católico, nunca neguei a Deus para ninguém e nem nego. Eu fico muito preocupado com o lado que o esporte está indo. Hoje sou eu, amanhã pode ser você a ser demitido por uma ‘liberdade de expressão’. Me preocupa porque é uma censura, o Brasil é um país democrático”, criticou o cristão.

E desabafou: “Fica aqui a minha tristeza. Foi quebrado um sonho de ganhar uma medalha olímpica”.

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Diego Falcão (@diegomfalcao)

FONTE: http://guiame.com.br/gospel/noticias/tecnico-da-selecao-de-basquete-se-demite-apos-preparador-ser-dispensado-por-ser-pro-vida.html


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

No momento todos os nossos apresentadores estão offline, tente novamente mais tarde, obrigado!

Top 10

top1
1. VOU TE ADORAR

VALDILENE RODRIGUES

top2
2. VOCÊ VAI CANTAR

MARA LINHARES

top3
3. PERTENÇO A VOCÊ

CAIO HENRIQUE

top4
4. SEDE DE VITÓRIA

GRACY SANTOS

top5
5. Um novo Vencedor

Damares

top6
6. Deus e eu

Leandro Borges

top7
7. Penielr

Fernanda Brum

top8
8. Até aqui eu cheguei

Voz da Verdade

top9
9.

Midian Lima

top10
10. Deus é Deus

Delino Marçal


Anunciantes